Conheça curiosidades incríveis sobre as hidrovias brasileiras

Conheça curiosidades incríveis sobre as hidrovias brasileiras

O Brasil possui mais de 4000 km de costas navegáveis, além de milhares de quilômetros em rios dentro de seu território. Apesar de pouco valorizado, o transporte hidroviário brasileiro é altamente eficaz. 

As águas do Brasil são responsáveis por movimentar mercadorias, alimentos e renda para todas as regiões. A seguir, confira as particularidades de cada hidrovia:

Hidrovias brasileiras: saiba o que se passa pelas águas do país

Hidrovia Tietê-Paraná:

Esta via conecta partes do Sudeste, Sul e Centro-Oeste. Localiza-se em trechos dos rios Tietê e Paraná, e possui 1200 km de extensão.

É uma das principais hidrovias do Brasil. Afinal, quase metade do PIB brasileiro passa por essas águas. 

Hidrovia do Madeira:

A via tem esse nome pois seu principal trecho está no Rio Madeira, que banha os estados de Rondônia e Amazonas. 

É a mais nova e moderna hidrovia do país, com cerca de 1500 km de extensão. Portanto, é fundamental para o transporte de cargas na região Norte. 

Será a primeira do Brasil a permitir navegação noturna. Isso promete revolucionar o setor, fazendo crescer a força do meio de transporte.

Hidrovia Tocantins-Araguaia:

No Centro-Norte, esta é a principal via hidroviária. Em épocas de cheia do Rio Tocantins, pode chegar a alcançar 2000 km de extensão.

O famoso Rio Araguaia é outro famoso afluente, ajudando a nomear o trecho. Uma singularidade dessa hidrovia é sua estrutura. Ela permite a navegação de comboios com até 108 metros de comprimento. 

Hidrovia do São Francisco: 

Este é um trecho vital, que corta o Brasil e faz ligações entre o Nordeste e Centro-Sul. Para realizar a conexão, são necessários incríveis 2354 km de extensão.

Algodão e grãos são os principais produtos transportados pelas águas, cuja principal via é o Rio São Francisco. Porém, também é comum encontrar cargas de frutas e cana-de-açúcar.

Hidrovia do Paraguai: 

Apesar do nome, a hidrovia é importante para toda a América do Sul. Sua extensão corta metade do continente, passando pela fronteira com a Bolívia e chegando até o Uruguai.

No total, cinco países são envolvidos. A principal via é a bacia do Rio da Prata, que também passa pela Argentina e Paraguai. Por suas águas, passam comboios com até 24mil toneladas.

Hidrovia do Solimões-Amazonas: 

Esta é outra hidrovia que atravessa fronteiras. Tendo como principal afluente o Rio Amazonas, a via alimenta o Norte do Brasil, passando pela Bolívia, Equador, Peru e Colômbia.

Todos os anos, cerca de 50 milhões de toneladas são transportadas através desse trecho. 

As águas brasileiras são ricas de história, beleza e oportunidades. Quem navega, sabe da importância de reconhecer o seu valor. 

Conheça os produtos Kapazi Náutica que farão seus passeios mais especiais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s